TV JORNAL

sábado, 26 de maio de 2012

Motociclistas de Santa Maria do Cambucá

O Cambucá Informa apóia a campanha de prevenção de acidentes de motociclistas, o cuidado sempre nos leva de volta para nossos lares, a sua vida é muito importante, preserve-a... 



Não é de hoje que vemos pessoas sendo acidentadas por e/ou em motocicletas em Santa Maria do Cambucá, a falta de prudencia, o abuso do álcool e a falta de equipamentos obrigatórios como o capacete tem feito vitimas fatais em nosso município, e a vida deles precisa ser preservada, seja um motociclistas - Moto taxista consciente, não beba quando for pilotar, seja prudente com as manobras e use os equipamento de proteção...  

O Cambucá Informa apóia os motociclistas e defende a vida acima de tudo...

Acesse videos abaixo:






Dados Relevantes:
- Os Acidentes provocados por veículos de transporte foram responsáveis por 1.879 óbitos, em 2010, o que representa 25,5% das mortes por causas externas (suicídio, homicídio, outros acidentes) em Pernambuco.
De acordo com a Sociedade Brasileira de Medicina do Tráfico, a cada óbito provocado por acidente de moto, 5 pacientes são internados em estado grave em um hospital de alta complexidade.
Já segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), um paciente vítima de acidente de moto custa, em média, R$ 152 mil aos cofres públicos, só na rede hospitalar. Já o custo social de cada um desses pacientes é de, em média, R$ 952 mil aos cofres públicos, o que envolve atendimento pré-hospitalar, hospital, licença, aposentadoria, entre outros.
- No Hospital da Restauração (HR), de 2000 a 2010, foram atendidos um total de 29.035 mil pacientes vítimas de acidentes de moto.
- Em pesquisa realizada com cem pacientes internados no Hospital da Restauração (HR), de 25 de janeiro a 5 de maio de 2011, foram constatados que 75% desse total eram motoristas e 25% caronas. A idade medida dos pacientes era de 14 a 45 anos, sendo a maioria na faixa dos 25 anos. Ainda desse total de cem pacientes, 30% sofreram acidentes e afirmaram ter ingerido bebida alcoólica. Além disso, 77% não tinham habilitação e 27% deles não usavam capacetes. Para finalizar, 6% desses pacientes ficaram paraplégicos e 5% foram amputados.

Comitê Estadual de Prevenção aos Acidentes de Moto
Coordenador: João Veiga
Telefone: (81) 3184.0444
E-mail: comitemoto@saude.pe.gov.br

0 comentários:

Postar um comentário